Nos Bastidores do Donna Summer Musical

Divas do Donna Summer

Hoje quero te convidar para um passeio diferente… Além de assistir a um espetáculo belíssimo sobre a Diva da Disco Music, quero te levar numa visita ao backstage da peça.

Me acompanha nos Bastidores do Donna Summer Musical?

Antes de iniciarmos nosso passeio, quero que saiba que essa visita ao backstage e a peça que assisti foram ANTES DA PANDEMIA (pouco antes dos teatros terem que fechar – por isso ninguém está usando máscara), só agora é que, felizmente, eles conseguiram retornar com o Musical, seguindo todos os protocolos de segurança para contar a história da Donna Summer, uma das maiores cantoras do mundo, nascida em Boston, nos Estados Unidos, em 1948 e que nos deixou em 2012, em decorrência de um câncer de pulmão. Sua trajetória é uma lição de vida para todos nós, um exemplo de perseverança e determinação para vencer os obstáculos que surgem no caminho.

O Donna Summer Musical foi feito mediante um acordo com a Brodway para que pudesse ser encenado no Brasil com o mesmo texto apresentado em Nova York, porém com liberdade para a montagem, o que permitiu ao incrível diretor Miguel Falabella imprimir toda sua criatividade e maestria no espetáculo!

Além dessa maravilhosa direção do Miguel Falabella, o Donna Summer Musical conta com uma produção e uma equipe de primeira, incluindo todo o elenco que atua brilhantemente, como as três atrizes que representam a Donna Summer: a Amanda Souza (que interpreta a Jovem Donna), a Jeniffer Nascimento (interpretando a Donna na Era Disco) e a Karin Hills (dando vida à Diva Donna).

Cena do Musical com as três atrizes interpretando Donna Summer ao mesmo tempo
Karin Hills, Amanda Souza, Miguel Falabella e Jeniffer Nascimento (lembrando que essa foto foi tirada antes da pandemia)

“Se esse musical fosse cinema começaria com um globo de espelhos e cada quadradinho seria um flash da vida de Donna Summer ao se aproximar a câmera”, foi com essa ideia que o diretor Miguel Falabella começou a montar o espetáculo e para isso criou o cenário com três torres representando o globo de espelhos, sendo que as torres laterais pesam 2 toneladas cada e a torre central pesa 6 toneladas e tem 9,5m de altura. Além da função cenográfica, essas torres também são ocupadas pelos músicos da orquestra do espetáculo.

As Três Torres Espelhadas
Topo de uma das Torres onde ficam os Músicos
Os Músicos tocando durante o Espetáculo

O Teatro Santander favoreceu a montagem do espetáculo por ter uma excelente estrutura: a boca de cena é bem grande o que possibilita uma bela visão do palco, são 52 varas automatizadas para luz, cenário e som (e que ajudaram a levantar as colunas na hora da montagem). E tem uma porta atrás do teatro que facilita a entrada do cenário, entre outros elementos. Quem nos explicou tudo isso e nos conduziu nessa visita guiada aos bastidores foi o Marcelo Demétrius (representante do Teatro Santander), a Luanda Scandura (da Produção do Musical Donna Summer) e a Patrícia Audi (vice-presidente de Comunicação do Santander).

Conhecendo os bastidores com Marcelo Demétrius e Luanda Scandura
Patrícia Audi com Miguel Falabella e Júlio Figueiredo

A estrutura do Donna Summer Musical é realmente maravilhosa, tem uma equipe de 100 pessoas do que fazem parte do musical e 45 profissionais do próprio teatro, todos empenhados em encantar o público com o espetáculo. A produção ficou por conta de Julio Figueiredo, que fez um trabalho meticuloso para que tudo saísse como o diretor havia pensado.

O Donna Summer Musical chama a atenção por sua musicalidade que já é um convite para a plateia mexer os pezinhos na poltrona e querer dançar, acompanhando a coreografia, que ficou por conta da coreógrafa Bárbara Guerra e foi inspirada nas décadas de 70 e 80 e também em outros estilos musicais. O visagismo para deixar o elenco em harmonia com essa época foi responsabilidade do Anderson Bueno e da Simone Momo. E os 200 figurinos pensados para englobar as várias faces da Donna Summer (tanto das atrizes que interpretam a Donna, bem como de cada personagem do essemble) e a moda dos anos 70 (com muito brilho e glamour) foi tarefa do figurinista Theo Cochrane. E tudo isso com uma iluminação que remete a um salão de dança, um trabalho de cerca de 9 dias e mais de 50 horas de gravação de luz feito pelo iluminador Caetano Vilela.

Anderson Bueno, Simone Momo, Bárbara Guerra, Theo Cochrane e Caetano Vilela
Últimos ajustes nos figurinos
Um pequena amostra dos figurinos….
E da coreografia!!!

Também merecem destaque as projeções, que ficaram por conta do Richard Luiz e a parte musical (com harmonias e melodias lindas) de responsabilidade do Carlos Bauzys e do Tocko Michelazzo. Além da cenografia do Zezinho e do Turíbio Santos que nos leva para uma discoteca. Lembrando que o texto do Musical é uma adaptação do apresentado na Broadway e a versão brasileira foi realizada pela Bianca Tadine e pelo Luciano Andrey e as músicas não foram traduzidas (com exceção da abertura “The Queen is Back”) porque as pessoas já conhecem as canções da Donna Summer.

Complementando a equipe anterior: Richard Luiz, Tocko Michelazzo, Zezinho e Carlos Bauzys
Detalhes da iluminação…
Na hora do espetáculo!!!

Depois dessa visita aos bastidores vamos falar da peça em si, o Donna Summer Musical retrata a vida de Donna Summer através de suas próprias músicas. O texto não segue uma sequência cronológica, ele vai e volta conforme as lembranças da Diva Donna Summer. Mas nos mostra desde sua adolescência, quando começou a cantar na Igreja (e se sentia super insegura, achando que suas irmãs Dara e Mary Ellen cantavam melhor que ela), passando pelo começo de sua carreira artística, sua ida para a Alemanha, seu primeiro casamento com Helmut Sommer (seu nome “Summer” vem daí), sua gravidez e o dilema entre a maternidade e a carreira. Sua parceria com os produtores Giorgio Morder e Pete Bellote e o sucesso com a música que foi o divisor de águas da sua carreira “Love to Love You Baby”, sua volta aos Estados Unidos, sua nova parceria com outro produtor Neil Bogart. Postei algumas cenas no nosso canal do youtube, dá só uma olhadinha pra sentir o clima do espetáculo: https://youtu.be/42PqY_CbxZU

A Diva Donna Summer nos contando suas lembranças….
Nos embalos da Disco Music
A Diva Donna mostrando seu talento musical

Também podemos acompanhar no Musical os problemas conjugais de Donna Summer, sua separação, seu novo casamento com Bruce Sudano, sua relação com a família, sua ansiedade e depressão, os altos e baixos de sua trajetória e principalmente o impacto que ela causou na sociedade. Donna Summer era à frente do tempo sem saber, ela enfrentou os preconceitos de uma mulher negra no meio musical de produtores masculinos, sendo um verdadeiro exemplo do empoderamento feminino. Entre muitas questões levantadas, o texto nos faz refletir também sobre o preço que estamos dispostos a pagar pelas decisões que tomamos. Como diz a própria Donna: “Tudo tem seu preço”. Mas tudo isso de um jeito muito sutil e leve, conduzido pelas batidas da disco e dance music, nos convidando a dançar e seguir em frente como a Diva e Poderosa Donna Summer!!!

Um pouquinho do que te espera no Donna Summer Musical….
Todo o Poder da Diva Donna Summer

Nesse clima de alto astral e nos embalos da Disco Music vou ficando por aqui… Lembrando que o Donna Summer Musical ficará em cartaz de 02 de setembro até o dia 26 de setembro de 2021 de quinta a domingo no Teatro Santander, no Complexo JK Iguatemi em São Paulo. Para mais informações e detalhes é só dar uma olhadinha no site: https://teatrosantander.com.br/donna-summer-musical-teatro-santander/

Ah! Lembrando que se você gostou desse post, compartilhe com seus amigos para que possam se divertir também, e siga nossas redes sociais para saber em primeira mão as novidades: Instagram (@cadaviagemumabagagem) e Facebook (https://www.facebook.com/cadaviagemumabagagem/) e se inscreva no nosso canal do Youtube (Cada Viagem uma Bagagem): https://www.youtube.com/channel/UC5Q29-MYuWjvPH__wWhF42A

Agradeço de coração e conto com sua companhia na próxima postagem!!! Até lá!!!

Vamos dançar?

2 comentários em “Nos Bastidores do Donna Summer Musical”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *