Tour em Araçoiaba da Serra

O que você acha de conhecer uma Floresta que une vegetação do cerrado e mata atlântica a menos de 2 horas de São Paulo, poder caminhar e relaxar à beira de um lago bem no centro da cidade, além de provar uma deliciosa gastronomia? Esses são só alguns dos atrativos que você vai encontrar em Araçoiaba da Serra…. Vamos embarcar nessa viagem?

Floresta Nacional de Ipanema em Araçoiaba da Serra

Araçoiaba da Serra fica na região metropolitana de Sorocaba, a aproximadamente 123 km da capital de São Paulo. Ela era habitada por índios tupiniquins e seu nome é de origem tupi e significa “lugar que esconde o sol”, porque os índios que viviam no lado leste (onde hoje é a Floresta de Ipanema) viam o sol se pôr sobre o monte do lado oeste (onde fica o centro da cidade) e no século XVI passou a receber bandeirantes, caçadores e mineradores. Tendo um papel importante na siderurgia brasileira, pois  em 1591 foi construído na cidade o primeiro conjunto de fornalhas para fundição de ferro no país e a 1° siderúrgica nacional em 1818.

Portal de Araçoiaba da Serra

Logo que passamos a entrada da cidade, descendo a avenida, jásomos recepcionados pelo Lago Municipal  – Balneário Joubert Antônio da Rocha, que é um espaço de lazer e descanso, com ciclofaixa, pista de caminhada, playground, academia ao ar livre e carrinhos de passeio. O Lago fica na Av. Manoel Vieira S/N – centro e é aberto diariamente. E todo domingo das 8h às 13h tem a Feira da Roça com artesanato, produtos orgânicos. etc.

O Famoso Lago de Araçoiaba

Bem perto do lago fica a Praça Coronel Fernando Almeida, que abriga a Igreja Matriz Nossa Senhora das Dores, a Feira Livre  (sábado das 8h às 13h) e Feira do Produtor Rural (quarta – das 14h às 20h) e sedia os principais eventos municipais como o Carnaval de Rua, que é bem tradicional na cidade. E a festa junina, a festa da Padroeira em setembro, entre outros eventos.

No Carnaval de Araçoiaba

Na Praça Coronel Fernando Almeida, que fica na Rua Sete de Setembro –  Centro de Araçoiaba da Serra, fica o  Marco da Paz, simbolizando “o ideal dos povos na busca da paz, da fraternidade e da solidariedade”, que foi idealizado por Gatanho Brancati Luigi em 1999 para o Patteo do Collegio em São Paulo e sua ideia foi se espalhando e atualmente esse Marco já se encontra nos cinco continentes.

Marco da Paz de Araçoiaba
Placa Explicativa do Marco da Paz

Também na Praça Coronel Fernando Almeida, fica a Igreja Nossa Senhora Das Dores,  que é a  Igreja Matriz da Cidade e começou a ser construída em 1925, com projeto arquitetônico de Henrique Florence. Um detalhe muito interessante dessa Igreja são os vitrais que trazem cenas da Via Sacra e pinturas de Santos, já que a Igreja não tem muitas imagens de santos espalhadas em oratórios, somente a de Nossa Senhora das Dores que fica ao lado do altar.

Interior da Igreja de Nossa Senhora das Dores
Detalhe dos Vitrais da Igreja

Vale lembrar que o ano de 2019 foi marcante para a cidade pois entre os dias 22 e 28 de julho sediou o 32° Campeonato Brasileiro de Balonismo no Ginásio Municipal de Esportes, que foi um espetáculo de cores no céu de Araçoiaba, que além dos voos para valendo para as provas, teve os voos de teste e também o Night Glow (balões acesos no Ginásio com lâmpadas gigantes) e voo de balões em formatos especiais no último dia.

Campeonato de Balões

Lembrando que a cidade também tem a opção de passeios de balões (www.venhavoar.com.br), que eu ainda não tive a oportunidade de fazer, mas já está nos meus planos. E caso você faça primeiro nos conte como foi sua experiência. No Salão São Paulo de Turismo estava exposto um dos balões da Venha Voar e pela foto (que tirei com a Querida Flávia do Departamento de Turismo de Araçoiaba) já dá pra sentir como deve ser emocionante essa aventura…

Falando em momento marcantes para a cidade, não poderia deixar de citar a  Abril Fest¸ que é a  Festa de Aniversário da Cidade, com rodeios e shows de artistas famosos!!! Eu particularmente não gosto de rodeios (mas não poderia deixar de falar desse evento que é tão tradicional da cidade). Porém, os shows realmente valem a pena, tanto que eu costumo chegar só na hora que eles já vão começar. E foi numa Abril Fest que tive a oportunidade de conhecer pessoalmente o Querido Sorocaba, da dupla “Fernando & Sorocaba”. Para saber mais detalhes como as datas e programação dos shows é só dar uma conferida no facebook: @abrilfestoficial.

Show do Fernando e Sorocaba na Abril Fest

Saindo da parte do agito dos shows, vamos visitar agora a Floresta Nacional de Ipanema,  que é formada por grandes áreas naturais e de preservação ambiental, além de um conjunto de Monumentos Históricos muito importantes para a siderurgia do Brasil.  E quem vai nos conduzir nesse tour é o Guia Rodrigo,  que é super atencioso e conhece muito sobre a Flona (jeito carinhoso que a Floresta é chamada).

Dentre as opções de passeios e trilhas da  Floresta Nacional de Ipanema, escolhemos duas: a Trilha Afonso Sardinha e o Sítio Histórico. Também tem escalada e a Trilha da Pedra Santa, que possui uma duração mais longa, por isso ficou para uma próxima oportunidade, mas se você estiver com tempo e disposição vale a pena fazer. Depois nos conte como foi sua experiência lá.

As Trilhas da Floresta Nacional de Ipanema
Exposição de Escalada

A Trilha Afonso Sardinha (quetem nível de dificuldade média e duração de uma hora) recebeu esse nome em homenagem ao bandeirante espanhol que em 1597 construiu os fornos em estilo catalão para a fabricação de ferro com magnetita (ou minério de ferro) e outros minerais encontrados na região. As ruínas desses fornos são encontradas no  Sítio Arqueológico dessa trilha e representam o início da siderurgia no Brasil.

Outro ponto muito interessante da Trilha Afonso Sardinha  e da  Floresta Nacional de Ipanema  como um todo é a união da vegetação do cerrado  com a da mata atlântica.  A forma como a  Paineira  libera suas painas (parecidas com algodão) e essas vão se espalhando e ajudando no processo de reflorestamento é uma demonstração da sabedoria e perfeição da Mãe Natureza. Também vimos uma Figueira Branca centenária, cuja espécie era utilizada para a comunicação dos índios como o guia Rodrigo nos demonstrou nesse vídeo: https://www.youtube.com/watch?v=D0L7n4Q7J24

Mandacaru gigante com cipó

Passear por essa trilha nos proporcionou momentos muito especiais como apreciar uma borboleta se camuflando para se proteger quando notou nossa presença, sentir a água geladinha do Ribeirão do Ferro, enfim, esse contato tão próximo com natureza é incrível, principalmente para despertar a consciência de que o homem precisa preservá-la e protege-la se quiser continuar a existir!!! Vale lembrar que uma boa parte da Floresta de Ipanema deu lugar ao plantio agrícola, ficando conhecida como Fazenda Ipanema, quando foi administrada pelo Ministério da Agricultura e ainda perdeu uma parte do seu território para assentamentos do MST. Mas depois voltou para o Ministério do Meio Ambiente, quando começou o processo de reflorestamento e atualmente é considerada Unidade de Conservação Federal e administrada pelo Instituo Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio).

A Camuflagem da Borboleta
Ribeirão do Ferro
Atravessando a Ponte na Trilha

E para fechar a parte das trilhas , fomos visitar o Monumento à Varnhagen,  que foi construído em homenagem à Francisco Adolfo de Varnhagen (também conhecido como Visconde de Porto Seguro), nascido na Fazenda Ipanema em 1816, e que fica no topo do Morro Araçoiaba, proporcionando uma vista deslumbrante da Floresta e das cidades vizinhas. Dá só uma olhadinha nesse vídeo pra sentir o que estou falando: https://www.youtube.com/watch?v=26ZbjN9Z7sA

Vista Encantadora do Mirante
Contemplando a Vista…

Depois dessa vista estonteante, vamos conhecer agora Sítio Histórico, que é formado pelas edificações da  Real Fábrica de Ferro de Ipanema, que foram construídas entre 1810 e 1813 para fundir o ferro, oriundo dos minerais extraídos da Floresta. Essa Fábrica foi reconhecida em 1988 como o “Berço da Siderurgia Nacional”.

Os Fornos da Fábrica

Começamos visitando a  Casa da Guarda, que foi construída em 1811 em taipa de pedra para servir de depósito de minérios, depois foi usada para outras finalidades, como servir de prisão militar por exemplo. E seu Pórtico foi feito em homenagem à maioridade de Dom Pedro II.  

A Casa da Guarda
Na Casa da Guarda

Além das celas para prisioneiros militares, a Casa da Guarda também abriga a primeira escada caracol produzida no Brasil

Cela da Casa da Guarda

Da Casa da Guarda é possível ter essa vista linda da  Barragem de Hedberg que canalizou o Rio Ipanema para gera energia hidráulica para a Fábrica.

Outro lugar que visitamos e que chama muito a atenção é a  Casa das Armas Brancas, que recebeu esse nome, segundo dizem, porque fabricava armas e munições para a Guerra do Paraguai. Mas depois descobriu-se que trabalhava o ferro para outros utensílios que não eram bélicos. Essa visita é realmente uma volta ao passado. A Casa atualmente é utilizada para eventos artísticos e culturais.

Interior da Casa das Armas
Maquinário da Casa das Armas

Mais um lugar imperdível desse Sítio Histórico  é onde estão os Fornos Varnhagen ou Altos Fornos Geminados, que eram utilizados para a fundição do ferro e permaneceram em atividade até 1895 (quando houve o fechamento da Fábrica). E próximo a eles fica o  Alto Forno Mursa, que foi construído entre 1878 e 1885 para aumentar a produção do ferro, porém não chegou a funcionar por falta de uma máquina insufladora (que por entraves comerciais não foi fornecida pela Inglaterra).

Detalhe do Forno

Nesse tour do Sítio Histórico também é possível ver a  Serraria, a Oficina de Refino, a Ponte Articulada e a  Sede Administrativa, entre outros lugares.

Ponte Articulada

E para aproveitar ainda mais sua visita à  Flona, você pode almoçar no  Restaurante do Centro de Visitantes,  visitar as  exposições e depois relaxar curtindo essa vista linda da  Represa Hedberg.

Momento de Relaxamento na Represa

Vale lembrar que a Floresta Nacional de Ipanema (Rodovia Raposo Tavares, km 112 – Bairro Araçoiabinha) fica aberta à visitação de terça a domingo das 8h às 17h  (ingressos R$9,00 por pessoa) e para fazer a trilha é cobrada uma taxa e é necessário o acompanhamento de um guia credenciado, como o Rodrigo (rotamontanha@gmail.com). Para maiores informações e agendamento de visitas estão disponíveis os telefones: (15) 3266-9099 e (15) 3459-9220.

Mas não é só aventura e ecoturismo que você encontra em Araçoiaba da Serra! Lembra que te falei no início do post que aqui você poderia provar uma deliciosa gastronomia? Então, chegou o momento de saborear as gostosuras do  Café Colonial do Sítio Doce Campo!!!  Que funciona aos domingos das 9h às 12h, oferecendo mais de 50 tipos de pratos pelo valor de R$ 32 por pessoa para se servir à vontade.

Família aproveitando o Café Colonial do Sítio Doce Campo
As Delícias do Restaurante

Além de se deliciar com os pratos você pode passear pelo sítio, ver os  cavalos,  descansar no Redário e tirar muitas fotosnas esculturas espalhadas pelo caminho.

No Sítio Doce Campo, ainda é possível fazer uma pequena trilha que leva até o Rio Paineira, dá só uma olhadinha como esse rio é lindo: https://www.youtube.com/watch?v=PUIR6Hj8X_8

Rio Paineira
Não resisti e tive que sentir essa água…

Outro lugar bem legal de conhecer no Sítio Doce Campo é a Casa do Caipira que retrata fielmente como era esse universo caipira.

E você ainda pode aproveitar para passar na Lojinha e levar um belo Artesanato  feito pela Nice de recordação desse dia tão especial e também os Queijos e Doces maravilhosos preparados pela Fernanda.  Essas duas queridas também são responsáveis pelo Café Colonial!

Com a Fernanda e a Nice

Com certeza você passará um domingo bem agradável aqui!! Para saber mais detalhes e fazer reserva é só entrar em contato pelo Instagram ou facebook: @cafecolonialsitiodocecampo.

Outro roteiro bem legal para fazer na região é o “Caminho das Hortas e Capelas” que une religiosidade e turismo rural, fiz um post especial contando detalhes desse passeio, se você ainda não viu, dá uma olhadinha lá: https://cadaviagemumabagagem.com/trilhando-o-caminho-das-hortas-e-capelas/

Espero que tenha gostado desse nosso tour de hoje em Araçoiaba da Serra!!! Para saber mais informações sobre a cidade é sé dar uma olhadinha no site: www.aracoiaba.sp.gov.br.  Muito obrigada pela sua companhia e te espero na próxima postagem.

Até Breve Araçoiaba!!!